Outros Papos, Virei mãe

O que você faz em 38 segundos?

Eu sou daquelas que cronometro tudo. É sem pensar, quando vejo, já estou lá, olhando para o relógio, vendo quanto tempo a coisa durou ou o que eu consigo fazer com os segundos que tenho. Não posso ver um timer na minha frente que, pronto! Lá vou eu convidá-lo para um racha!

Sempre que faço isso me vem à cabeça o ex-presidente da república, Fernando Collor que, antes de assinar o documento de impeachment, que o afastava da presidência, em 1992, olhou para o relógio. Collor é leonino, como eu. Será que é coisa do signo? Ou será coisa de jornalista, que vive correndo atrás de deadlines?

Só sei que hoje, com a Alicia na minha vida, a mania acabou virando tática de gerenciamento de tempo. Na curiosidade de saber “o que cabe” em determinada fração de tempo, fui agrupando tarefas e me tornando mais eficiente. Quer ver: a mamadeira dela leva 38 segundos para aquecer (por que 38 e não 40? Sei lá, deve ser outra esquisitice minha: não arredondar o tempo no microondas!). Enquanto isso, consigo recolher o pratinho de comida dos meus gatos para lavar, pegar o pó e o filtro de café do armário, encher a jarra medidora com água da torneira para duas xícaras, colocar tudo na cafeteira e ligá-la. Ufa!

Já com dois minutos (o tempo da função “descongelar” no meu microondas) eu consigo medir duas xícaras de arroz, colocar no escorredor, lavá-lo, medir a água, colocá-la para esquentar e, dando uma corridinha, ainda pegar o alho e a cebola na geladeira (a meu favor, o fato de a minha cozinha ser é um cisco!).

É claro que isso não passa de uma mania, uma brincadeira minha comigo mesma, mas sabe que me trouxe alguns ensinamentos? Me ensinou a olhar as tarefas do dia a dia de uma forma diferente e a ser mais ousada. Às vezes a gente se subestima ou acha que certo afazer vai tomar muito tempo. Mas propondo-se a fazê-lo, no tempo que se tem, pode acabar se surpreendendo: e não é que deu tempo? Daí a gente sai feliz da vida porque conseguiu “vencer” o relógio!

Você tem alguma doideira assim, como a minha? Tem coragem para dividir? 😉

 

 

Leave a Reply

Required fields are marked*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.